Páginas

11/09/2012

O silêncio e a semente...



Sinto-me como uma semente no meio do inverno, sabendo que a primavera se aproxima.
O broto romperá a casca e a vida que ainda dorme em mim haverá de subir para a superfície, quando for chamada. O silêncio é doloroso, mas é no silêncio que as coisas tomam forma, e existe momentos em nossas vidas que tudo que devemos fazer é esperar.
Dentro de cada um, no mais profundo  ser, está uma força que vê e escuta aquilo que não podemos ainda perceber. Tudo o que somos hoje nasceu daquele silêncio de ontem.
Somos muito mais capazes do que pensamos. Há momentos em que a única maneira de aprender é não tomar qualquer iniciativa, não fazer nada.
Porque, mesmo nos momentos de total inação, esta nossa parte secreta está trabalhando e aprendendo.
Quando o conhecimento oculto na alma se manifesta, ficamos surpresos conosco mesmos, e nossos pensamentos de inverno se transformam em flores, que cantam canções nunca antes sonhadas.
A vida sempre nos dará mais do que achamos que merecemos.

(Kahlil Gibran)




19 comentários:

  1. Lindo!!!!!!!!Parabéns
    Somos realmente a sementinha.

    Um abraço

    Patrícia Alves
    www.agape-amorverdadeiro.blogspot.com
    www.patyiva.blogspot.com
    www.tentardecoracao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Minha querida Clauzinha!
    Ruim é quando temos que "PARECER" ainda sementes! Quando sabemos a resposta, mas temos que fazer de conta que não, para aguardar a outra semente romper a sua própria casca e descobrir! É um exercício de paciência! É um outro aprendizado e um outro tipo de espera.
    Procuro, nessas circunstâncias, firmar-me no pensamento "... há um tempo para tudo debaixo desse céu..." de Eclesiastes. Assim, fortaleço-me e consigo esperar, como a semente, a ocasião de florescer.
    Bjsssssssssssssss, quérida, Deus a abençoa!

    ResponderExcluir
  3. É verdade, sob a direção do Pai, tudo tem o seu tempo deteminado!
    Muitas vezes é tempo de esperar e ficamos numa inquietude estéril, rodeando montanhas.
    Grande abraço,
    Regina Helena
    http://destilardosfavos.blogspot.com.br/2012/05/chega-de-rodear-montanhas-tome-um-norte.html

    ResponderExcluir
  4. "O Profeta" de Khalil GIbran é um belíssimo e intenso livro de poemas e textos poéticos que vivamente recomendo...

    :)

    ResponderExcluir
  5. Obrigada pela visitinha, que bom que você gostou.


    Patrícia Alves
    www.agape-amorverdadeiro.blogspot.com
    www.patyiva.blogspot.com
    www.tentardecoracao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. ✫. `⋎´ ✫❤✫..
    (⁀‵❤⁀,) ✫✫✫Boa tarde✫.❤
    Deixar um abraço carinhoso para
    os amigos é um elogio ao post que
    está lindo, pelas atitudes de sempre
    estar presente na minha vida
    Agradeço hj e sempre por tudo
    Bjuss
    Rita!!!
    (⁀❤‵⁀,) ✫✫✫..! ♥
    .`⋎´✫✫¸.•°*”˜˜”*°•.✫❤
    ✫¸.•°*”˜˜”*°•.✫❤✫

    A imagem da plantinha ficou linda com o texto!

    ResponderExcluir
  7. Gostei muito Clau e fico pensando em mim, "essa força que está dentro de cada um de nós, às vezes não a sinto, é meio contraditório isso, em outras vezes sinto-me forte, mas quanto aos sentimentos sou uma lástima.
    Linda imagem primaveril j´´a já Ela vem "Primavera dos enamorados, das manhãs mais coloridas*
    Beijinho/
    Boa noite

    ResponderExcluir
  8. Oi Clau, obrigada pela visita, amo seus coment´parios eles são mioto importantes para o complemento da reflexão da mensagem. Tambem amo suas postagens, não conhecia esse, o Silencio e a Semente. Linda! realmente quando o conhecimento ocultana alma ficamos surpresos conoco. Quantas vezes nos sentimos só mesmo acompanhados, é como se não conhecessemos quem está do nosso lado. Quantas veses nos sentimos do tamanho de uma sementinha, mas reagimos, adiquirimos forças e nascemos e crescemos como uma plantinha.Assim é a vida e a busca pela tão sonhada felicidade. Obrigada querida por compartilhar conosco lindas postagens. Bjuss uma linda noite.

    ResponderExcluir
  9. Olá,

    Uma belíssima reflexao....

    Abçs

    ResponderExcluir
  10. Olá Clau! Gosto muito desse poeta e de seus livros. Esse texto é bastante reflexivo e concordo que é no silêncio que muitos projetos são engendrados, depois é só esperar a primavera para colocá-los em prática. Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  11. OI CLAU!
    UM TEXTO LINDO.
    SABERMOS QUE MESMO QUE ESTEJAMOS VIVENDO NUM INVERNO RIGOROSO, EMOCIONAL, A PRIMAVERA NOS ESPERA...
    ABRÇS

    zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderExcluir
  12. Oii
    Que texto lindo!
    bjs
    http://cosmeticosbelezasaude.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Silêncio, dor, espera, primavera...
    Sempre o mesmo caminho que nos leva a sermos melhores do que fomos ontem. Belo post.
    Até mais ;*

    ResponderExcluir
  14. Como sempre... a Clau arrasando :P

    Bjão

    www.compreiporai.com

    ResponderExcluir
  15. Bela reflexão, Clau! É no silêncio que as coisas tomam forma mesmo! Beijos e boa quinta!

    ResponderExcluir
  16. que reflexão inspiradora , realmente a vida se encarrega de tudo !
    Beijo, flor !

    ResponderExcluir
  17. Oi Clau! Obrigada pela visita, parabéns pelas suas lindas postagens!! Uma nite abençoada pra ti, bjuss

    ResponderExcluir
  18. Oi Clau!

    Me encantou esta pequena planta nascendo!!!

    que linda! e que reflexão!!!

    Tenha uma abençoada semana!

    ResponderExcluir
  19. Olá Clau! :)

    Tudo bem?

    Adorei o texto. Sou uma pessoa paciente, mas muito ansiosa. Porém, já aprendi também que nós não controlamos nada na vida. Tudo está nas mãos de Deus, do Universo. Às vezes, é melhor não agir, mas muitas vezes não é fácil ficar como espectadora. :)

    Recebi os teus dois comentários e já estão moderados. Tenho a moderação activada, para não me perder e responder a todos. É por isso que sempre comentas, não ficam logo visíveis.

    Beijinhos

    ResponderExcluir

Real Time Analytics