Páginas

13/09/2012

Normose

*Entrevista do Professor Hermógenes, 91 anos,sobre uma palavra inventada por ele que me pareceu muito procedente: ele disse que o ser humano está sofrendo de normose, a doença de ser normal.*



"Todo mundo quer se encaixar num padrão. Só que o padrão propagado não é exatamente fácil de alcançar. O sujeito 'normal' é magro, alegre, belo, sociável, e bem-sucedido. Bebe socialmente, está de bem com a vida, não pode parecer de forma alguma que está passando por algum problema.
Quem não se 'normaliza', quem não se encaixa nesses padrões, acaba adoecendo.
A angústia de não ser o que os outros esperam de nós gera bulimias, depressões, síndromes do pânico e outras manifestações de não enquadramento.

A pergunta a ser feita é: quem espera o quê de nós? Quem são esses ditadores de comportamento a quem estamos outorgando tanto poder sobre nossas vidas? Eles não existem. Nenhum João, Zé ou Ana bate à sua porta exigindo que você seja assim ou assado. Quem nos exige é uma coletividade abstrata que ganha 'presença' através de modelos de comportamento amplamente divulgados.Só que não existe lei que obrigue você a ser do mesmo jeito que todos, seja lá quem for todos. Melhor se preocupar em ser você mesmo.
A normose não é brincadeira. Ela estimula a inveja, a auto-depreciação e a ânsia de querer o que não se precisa.
Você precisa de quantos pares de sapato? Comparecer em quantas festas por mês? Pesar quantos quilos até o verão chegar?
Não é necessário fazer curso de nada para aprender a se desapegar de exigências fictícias. Um pouco de auto-estima basta. Pense nas pessoas que você mais admira: não são as que seguem todas as regras bovinamente, e sim, aquelas que desenvolveram personalidade própria e arcaram com os riscos de viver uma vida a seu modo.Criaram o seu 'normal' e jogaram fora a fórmula, não patentearam, não passaram adiante.
O normal de cada um tem que ser original.
Não adianta querer tomar para si as ilusões e desejos dos outros.
É fraude. E uma vida fraudulenta faz sofrer demais.
Eu simpatizo cada vez mais com aqueles que lutam para remover obstáculos mentais e emocionais, e a viver de forma mais íntegra, simples e sincera. Para mim são os verdadeiros normais, porque não conseguem colocar máscaras ou simular situações.

Se parecem sofrer,é porque estão sofrendo.E se estão sorrindo,é porque a alma lhes é iluminada.
Por isso divulgo o alerta: a normose está doutrinando erradamente muitos homens e mulheres que poderiam, se quisessem, ser bem mais autênticos e felizes."



(Professor Hermógenes)






11 comentários:

  1. "Normose", taí, vou adotar essa palavra! Infelizmente todos sentem medo da rejeição e do julgamento, olhares tortos e afins, daí querem entrar nessa NORMOSE maldita que foi imposta sabe-se lá por quem. Será que algum dia nos livraremos disso? Não tenho esperanças! Beijos, Clau!!!!

    ResponderExcluir
  2. Oii bom dia Clau!!
    Nossa é isso mesmo infelizmente, ontem mesmo eu estava conversando com uma amiga sobre isso, estamos sempre tentando ser o que não somos, portanto não conseguimos nos sentir felizes.
    bjs
    http://cosmeticosbelezasaude.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Puxa Clau,simplesmente amei o texto,acho muito realista.Agora,ser diferente do normal não é pra qualquer um,é preciso ter coragem pra ser autêntico.
    "Todos nós nascemos originais e morremos cópias."
    Não lembro o autor da frase,mas é isso aí!
    Um beijo e bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  4. Concordo con il professore, oggi siamo più portati all'apparire che all'essere!! buona serata e un felice fine settimana...ciao

    ResponderExcluir
  5. Olá Clau
    Texto muito verdadeiro, precisamos viver de forma íntegra. Um forte abraço amada.

    ResponderExcluir
  6. Boa noite


    Estou passando pra desejar um final de semana maravilhoso, cheio de amor, alegria e felicidade.
    Desculpe o recadinho colado, mas esse final de semana vai ser super corrido e não gostaria de ficar sem te visitar aqui no blog.


    Beijos
    Ani

    ResponderExcluir
  7. Olá Clau!

    Obrigada pela tua visita e carinho.

    Estive ausente mas agora estou de volta. Estive com um problema de vírus no pc mas já está resolvido.

    Parabéns, por teres postado o texto acerca da "normose". O Prof. Hermógenes tem toda a razão, as pessoas estão a adoptar comportamentos estranhos e o pior é que acham tudo normal! Isto inclui muitos tipos de coisas, o problema é que as pessoas acomodam-se a este padrão e não o mudam...

    Um beijo e tem um dia cheio de paz,

    Cris Henriques

    ResponderExcluir

  8. Clau querida,

    A imagem representou bem o conteúdo do texto.
    Essa tal "normose", citada pelo Prof. Hermógenes, realmente tem sido como um vírus na sociedade. Ninguém precisa seguir padrões para ser feliz; pelo contrário, a felicidade está bem fora do alcance dessas pessoas que violentam sua natureza para se mostrarem como os ditos "normais". Aprecio as pessoas espontâneas e autênticas. Elas são mais felizes e mais capazes de distribuírem felicidade.

    Obrigada pelo carinho.

    Um belo domingo para você.

    Beijão.

    ResponderExcluir
  9. Lindo texto Clau, precisamos refletir e entender que nem sempre o que é bom para o outro será para nós e vice versa, somos seres individuais e com cd qual a sua experiencia e evolução. Um grande abraço,

    Patrícia Alves
    www.agape-amorverdadeiro.blogspot.com
    www.patyiva.blogspot.com
    www.tentardecoracao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Oi Clau, seu post como sempre é muito bom este por exemplo nas traz uma grande lição, o que é bom pra mim pode não ser para outras pessoas e isto temos que entender. Obrigada plea visita. Bjuss uma linda noite.

    ResponderExcluir
  11. Olá Clau adorei seu post sobre normose.
    Agradeço a sua visita beijos.

    ResponderExcluir

Real Time Analytics