Páginas

15 setembro, 2014

Somos madeira que apanhou chuva.
Agora nem acendemos nem damos sombra.
Temos que secar à luz de um sol que ainda há.
E esse sol pode nascer dentro de nós.

(Mia Couto)


13 comentários:

  1. Olá Clau,

    Linda analogia.
    Grande é a nossa força interior, cujo brilho nunca se apaga. Quando nela mergulhamos percebemos que não há sombra capaz de ofuscá-la. E é esse sol interior que aquece e ilumina a nossa caminhada.

    Feliz semana.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  2. MARAVILHA,Clau!! Profundo e lindo! bjs, chica

    ResponderExcluir
  3. Se não nascer dentro de nós, aquele sol que fica lá no alto não produzirá os efeitos necessários, sozinho. Grande colocação de Mia Couto, que usa as palavras de forma maravilhosa. Bjs.

    ResponderExcluir
  4. Linda mensagem da Mia Couto, Clau. Bjs e boa semana.

    ResponderExcluir
  5. Olá Clau!
    Linda poesia. Amo Mia Couto.
    Bjs
    Marli
    Blog da Marli

    ResponderExcluir
  6. Se o sol não nascer dentro de nós só interessará que nasça lá fora para aquecer a Natureza.
    Mia Couto é um autor genial!
    xx

    ResponderExcluir
  7. Com certeza, esse sol só nasce dentro da gente, pois caso contrário o sol morrerá, Clau beijão.
    Blog /Fan Page / Twitter /

    ResponderExcluir
  8. oi Clau

    Que o sol nasça dentro de nós trazendo muita alegria.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  9. Com certeza depois de seca se renovará.
    Linda reflexão.
    bjs amiga Clau
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  10. MAJESTUOSO PENSAMIENTO. GRACIAS.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  11. Ola Clau... Imagem bonita...
    A chave tá dentro de nós... Precisamos buscar a Luz, o Sol!
    Beijos e muita paz...

    ResponderExcluir
  12. Boa tarde Clau.. somos este sol.. o brilho existe.. só não podemos deixar a noite e suas sombras apagarem ele.. a luta tem que existir dentro de nós para que a harmonia sempre prevaleça;;
    beijos e até sempre

    ResponderExcluir
  13. A vida nos prepara e ensina a ser esta tora úmida.
    Há um tempo de escurecer e outro de brilhar.
    Abraços.
    Beijo

    ResponderExcluir

Real Time Analytics