Páginas

02/06/2013

Os três últimos desejos de Alexandre, o Grande.

À beira da morte,Alexandre o Grande, convocou os seus generais e relatou seus três últimos desejos:

1- Que seu caixão fosse transportado pelas mãos dos médicos da época;
2- Que fosse espalhado no caminho até seu túmulo os seus tesouros
conquistado como prata, ouro, e pedras preciosas;
3 -Que suas mãos fossem deixadas fora do caixão, à vista de todos.
Um dos seus generais, admirado com esses desejos insólitos, perguntou a
Alexandre quais a razões desses pedidos e ele explicou:
Quero que os mais iminentes médicos carreguem meu caixão para mostrar
que eles não têm poder de cura perante a morte;
Quero que o chão seja coberto pelos meus tesouros para que as pessoas
possam ver que os bens materiais aqui conquistados, aqui permanecem;
Quero que minhas mãos fiquem ao vento para que vejam que de mãos
vazias viemos e de mãos vazias partimos.

(Desconheço a autoria)



21 comentários:

  1. Boa noite!!
    Emocionante.
    Nos faz pensar...rever valores e conceitos.
    Parabéns pelo Post.
    Abraços
    veraportella

    ResponderExcluir
  2. Oi, Clau, boa noite! Excelente reflexão! Se pensássemos e vivêssemos assim, seríamos, com certeza, muito mais sábios! Bjs
    Isabel

    http://isabelborboletando.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

  3. Oi Clau,

    Grandes lições, que merecem ser lembradas e refletidas. Nada é mais poderoso do que os desígnios do Criador e tudo na vida é transitório. Somos apenas usufrutuários dos bens materiais que possuímos. E deste mundo somente levaremos nossos valores espirituais.

    Ótima noite.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  4. Que linda lição de vida,Clau!

    Amei o texto,pois é verdadeiro demais ,pois dessa vida só se leva oque se viveu de bom no coração e alma.

    Nada de material!

    Obrigada pela visita e ótima semana

    Bjs

    Donetzka

    ResponderExcluir
  5. Oi Clau:
    Nem imaginava receber tantos convidados na minha festança virtual, rsrsrsrsr.
    Minha alegria ficou completa, com sua visita e comentário.~
    Boa semana.
    Bjs.:
    Sil

    ResponderExcluir
  6. Impactante este relato, e muito verdadeiro também, depois que morrermos não levaremos nada, mas podemos deixar aos outros, um legado de pessoa bem sucedida, humilde e que todos tinham prazer de dizer seu nome e chamar de amigos.
    Temos que refletir sobre o que deixaremos, pois levar algo é impossivel. O que é um homem? É como poeira, depois o vento bate e leva embora.
    Bjos Clau :) & Bom mês!

    ResponderExcluir
  7. Oi, Clau.

    Importante reflexão.

    Nada levamos e de tudo que fica a memória boa que deixamos é que colore nosso breve caminhar no mundo.

    Ótima semana para você!

    ResponderExcluir
  8. Olá Clau

    Mensagem muito edificante. Como é importante ajudar o próximo enquanto estamos vivos, fazer algo pelas pessoas, nada de material levaremos, desapegar é preciso. Bjs amiga.

    ResponderExcluir
  9. Un maravilloso Mensaje totalmente cierto y sin ningún tipo de dudas.
    Abraços e beijos.

    ResponderExcluir
  10. É um texto para guardamos e jamais esquecer.

    ResponderExcluir
  11. Olá amiga Calu!

    Saudades tuas, minha amiga.
    Alexandre, O Grande foi um homem muito sábio.
    Parabéns pelo post, já conhecia mas adorei reler.
    Convido-te a conhecer o meu novo projecto, um blog/livro virtual. Uma história de amor entre um rapaz surfista e uma jovem judia.
    Obrigada pelo carinho e amizade, espero que gostes de ler a minha nova criação.

    Beijinhos,

    Cris Henriques

    http://oqueomeucoracaodiz.blogspot.com

    http://jakeemary.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Se tivéssemos essa capacidade de pensarmos como Alexandre o Grande,seríamos grandes sábios.

    Lindo texto Clau.

    bjs
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Oi Clau,
    adorei a sua postagem
    parabens
    bjs
    www.diariodaleleticia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Oi Clau! Vai entender os filósofos!!!já conhecia, mas foi muito boa lembrança!!
    Uma semana abençoada. bjuss

    ResponderExcluir
  15. Lindas e sábias palavras de Alexandre o Grande, e com certeza ele teve a graça de compreender o verdadeiro sentido da vida e deixar como exemplo.
    Parabéns pelo post, amada!
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  16. Que legal Clau!
    Adorei esse texto...muito bom!
    Tem gente que desde pequena é tão apegada as coisas materiais...
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Oi, Clauzinha querida!

    Bem, na verdade, não dá para saber se isso é verdade. Ou dá?
    Bom, penso que não, né? Mas que é muito sábio é! E se é real, dá um tom romântico ao seu epíteto "Alexandre, o Grande" - que é por conta de suas inúmeras conquistas na antiguidade, certo?
    De qualquer forma, é uma linda e perfeita reflexão sobre os reais motivos da vida.
    Bjsssssssssssss, quérida, Deus a abençoa!

    ResponderExcluir
  18. Não me lembro quando li esse texto pela primeira vez. Foi algo que algum professor pediu, no intuito de nos fazer pensar. E nunca o esqueci, pela verdade. Bjs.

    ResponderExcluir
  19. Passando para agradecer a sua visita,querida amiga Clau.

    bjs
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Linda mensagem Clau!!!Maravilhoso!!!
    Bjus mil

    http://blogluminoso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Sábio ele! Estava coberto de razão! bjssss

    ResponderExcluir

Real Time Analytics