Páginas

11 maio, 2017

O dom de servir...

Quando você der alguma coisa, faça isso de coração, nunca porque você espera que amanhã vai receber algo em troca. Disso a vida se encarrega.
Quando amar, ame intensamente; quando der uma esmola, faça e se esqueça; quando perdoar, perdoe.
Os gestos que não são acompanhados por um sincero sentimento no coração são vazios e inúteis: Deus não os recebe.
Os pequenos gestos, mas que são tudo o que você pode dar, acompanhados da alegria de ofertar, são recebidos com grandes festas pelos anjos.
Ninguém compra felicidade, ninguém compra bênçãos; essas coisas são simples retornos dos nossos atos. Da mesma maneira como regamos as flores que enfeitam nosso jardim ou nossa casa, Deus rega nossas vidas quando enfeitamos a vida de alguém.
Bens materiais a gente gasta e deixam de existir. O bem que fazemos pra alma dura eternamente.
Quando investimos na felicidade dos outros, sem saber estamos investindo na nossa própria felicidade.
A bondade é uma dádiva que todos recebem. Só que uns descobrem e outros não; uns utilizam e outros não. Isso faz uma grande diferença entre as pessoas.
Se você acha que é pobre demais para oferecer algo ao próximo é porque ainda não percebeu que tempo é realmente dinheiro, a riqueza que é seu sorriso, o valor que tem sua oração e o calor que pode emanar do seu corpo num abraço amigo e sincero.

(Letícia Thompson)



9 comentários:

  1. Que texto ótimo da Leticia, Clau. bjsss e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  2. Muito lindo e certo! Temos que colocar amor em tudo! bjs, lindo fds! chica

    ResponderExcluir
  3. Oi Clau! Que maravilhosa msg, adorei! E temos muito a aprender!
    Desejo um domingo das mães cheio de alegrias pra vc! bjs

    ResponderExcluir
  4. Um texto lindo demais! Parabéns

    Beijo e um bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  5. Olá Clau, que linda mensagem e abordando um tema muito importante, o dom de servir. felizes daqueles que servem aos outros. Jesus nos ensinou isso servir, em especial aos mais necessitados, de amor, de carinho, de um ombro amigo, de algo material. Enfim, servir,
    Amiga, O Dia das Mães é uma data comemorativa em vários países do mundo. A festa não tem a mesma data em todos os países. Aqui no Brasil, o segundo domingo de maio é dedicado as mães. Na verdade, todos os dias são dedicados as mães. Todos os dias e todas as horas, depois que os filhos nascem, as mães vivem para eles.
    Mãe é poesia, tons, pausas, letras... Dona de um amor que se recicla e nunca é desperdiçado. Colo de mãe: o melhor remédio para todas as idades.
    Para quem é mãe ou para sua mãe, desejo que no próximo domingo o verdadeiro presente seja o amor! O amor verdadeiro que dure a vida toda.
    Abraços da amiga, Lourdes Duarte.
    http://professoralourdesduarte.blogesus as abençoe sempre.spot.com.br/
    http://filosofandonavidaproflourdes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Penso dessa forma como o texto Clau!
    O dom de servir,não há necessidade de ser mostrado para que possa receber algo em troca,tem que ser de braços abertos e com muito amor e essa devolução será devolvida pela gratidão daquele que doamos esse amor.
    Bjs,obrigada pela visita e um Feliz dia das Mães.
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  7. Boa noite Clau.
    Que texto lindo demais. Com certeza devemos fazer tudo com amor sem esperar nenhum tipo de retorno. Pois fazer o bem muitas vezes nós fazem mais bem do que receber. Pois é dando que se recebe. Quando fazemos o bem a satisfação é imensa. Um lindo fds. Grande abraço.

    ResponderExcluir
  8. Belíssimo esse texto! A gente sempre tem o que ofertar e a receber... Nessa hora, o dinheiro/riqueza vale muito pouco! Clau, que o domingo das mães seja de muita alegria por aí! Bjks Tetê

    ResponderExcluir
  9. Lindo texto amiga!Ando sumida e desanimado!
    Beijos e Feliz Dias das Mães!!
    Amara

    ResponderExcluir

Real Time Analytics