Páginas

02 abril, 2017

Superexposição...

"Quiseste expor teu coração a nu.
E assim, ouvi-lhe todo o amor alheio.
Ah, pobre amigo, nunca saibas tu
Como é ridículo o amor... alheio!"
(Mário Quintana)

Fico estupefato em ver como as pessoas postam suas intimidades nas redes sociais. Acho que é muito legal você falar de amor e expressá-lo para que o mundo possa melhorar de alguma forma com seus sentimentos positivos de felicidade. Na verdade a vida é assim. Um grande círculo que se constrói com bons moldes e que pode transformar um dia, uma hora ou um momento de alguma pessoa.
Mas tenho também total noção e percepção cristalina que certas coisas devem e precisam ficar na intimidade. Temos que ter ciência do que pode ou não ser divulgado. Intimidade já diz tudo. Sua etimologia é caracterizada por ser uma qualidade e questão do íntimo, vem do latim “intimu” e refere-se ao que está dentro, que atua no interior, que é estreitamente ligado por afeição ou fidúcia, é próximo, relacionando-se portanto ao sentir.
Num mundo cibernético cheio de fakes e de pessoas de moral suspeita e mal intencionadas, que não tem a mínima educação, se expor “além da conta”, {uma linha tênue que só o discernimento é capaz de mostrar} é certamente um canal para diversos problemas futuros.
Fale de você, tudo bem, do seu amor, da sua família, mas de forma superficial! Sem mostrar mais do que deve! Sem divulgar seu cotidiano íntimo. Suas familiaridades são apenas e tão somente suas, de mais ninguém! Ouvi certa vez que não se deve expor tanto a felicidade em uma vitrine. Pois sempre haverá gente analisando e certamente nesse "grupo de observadores" alguém que nada vale pode jogar uma pedra. Pense nisso...

(Kim Motta)


5 comentários:

  1. Boa noite Clau.
    Uma bela postagem, o bom senso deve sempre existir. Mas as vezes falamos do que achamos certo, e algumas pessoas acham que estamos nos expondo demais. A minha ultima postagem falei sobre isso. Uma familiar me disse bem claramente que pela minha profissão e pelo estados [ Coisa que apenas ele liga] não deveria me expor, e que no meu blog eu falava sobre tudo kkk. E falou ainda coisas piores. Fiquei pasma, mas no fundo percebi que ele estava mesmo incomodado porque algumas pessoas no seu ciclo de amizade ficou sabendo da minha patologia. Fiquei magoada, mas que saber depois ainda pensei em colocar fotos bem diferentes kkk. Ai sim ele iria morrer rsrs. Acho que devemos sempre respeitar o outro lado, jamais expor nada que possa ser prejudicial a outra pessoa. E ficar bem ciente que nem todo mundo pensa igual, muitas vezes uma foto na net e palavras pode tem varias formas de ser vistas. E temos que manter o bom senso. Uma linda semana. Feliz més de abril. Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Uma boa reflexão aqui... Sensatez e equilíbrio são importantes sempre! Entretanto, muito receio e desconfiança trazem prejuízos desnecessários... O melhor, é buscarmos uma boa medida e confiarmos nela...
    Um abraço e boa semana, Clau!...

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Clau
    Há que se ter bom senso e equilíbrio quanto à exposição de nossa intimidade. Não é questão de desconfiança mas a maldade existe e há muitas pessoas querendo nos atingir por inveja ou pura maldade
    O meio termo e discernimento são fundamentais para que vivamos neste mundo cibernético de forma saudável
    Beijos e uma linda semana

    ResponderExcluir
  4. Olá Clau
    Ótima reflexão, devemos ter cuidado com as postagens. Bjs querida.

    ResponderExcluir
  5. Boa noite, querida Clau!
    Graças a Deus, Ele cuida de nós sempre...
    O que vejo são coisas como inveja... que grande mal!
    Bjm muito fraterno

    ResponderExcluir

Real Time Analytics