Páginas

12 dezembro, 2014

Alfabeto...

É muito útil estudar
o alfabeto das flores miúdas
esquecidas na beira dos caminhos.
Pequenas florezinhas amarelas
como mensagens perdidas.
Elas dizem sim à vida, ao sol,
à chuva, sim ao amor que nasce
todos os dias, invisível,
e com sua luz ilumina a Terra.

(Roseana Murray)



16 comentários:

  1. Aplausos! As flores dos caminhos falam tanto, ou melhor, podem falar, pra quem as olha e sabe perceber! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde, cada caminho tem as suas flores que não deixam de ser de esperança e amor.
    AG

    ResponderExcluir
  3. Bonita mensagem... As flores falam tanto... Precisamos ser sensíveis às suas linguagens!

    Bom fim de semana, Clau...
    Avante... O Natal está chegando... Abraço

    ResponderExcluir
  4. Um belo texto poético! E tão verdadeiro; a Natureza tanto nos fala, nas suas mais pequenas manifestações.
    xx

    ResponderExcluir
  5. Adorável almejar da vida, o dessa flores tão delicadas que nascem à beira do caminho só para perfumar nossa vontade de viver...

    Um abraço, Clau!

    ResponderExcluir
  6. Que linda a imagem e o escrito, vdd ela dizem sim todos os dias.

    ResponderExcluir
  7. A mensagem dessas flores é especial, eis que nascem e vivem na simplicidade, passando-nos imagem de doçura e fragilidade, cheia de encantamento. Bjs.

    ResponderExcluir
  8. Que lindo, Clau. Bjs e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  9. Oi Clau.
    Alfabeto incrível, sabe que me fez lembrar Manoel de Barros?
    Ele que tinha esse dom de ver a beleza no que ele chamava de "miudezas".
    E há tanto de lindo nas miudezas feitas pelo Criador...
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Depois de um longo afastamento estou tentando de alguma forma
    visitar minhas lindas amizades.
    Logo chegará o Natal é justo estar entre as
    amizades que esteve comigo no decorrer desse ano.
    Levando meu eterno agradecimento
    a única palavra para traduzir
    tudo que estou sentindo nesse momento.
    Sua amizade é muito importante para mim
    um presente grandioso de Deus.
    Um feliz final de semana beijos.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  11. Verdade, Clau! Essas florzinhas singelas me inspiram muito, desde a adolescência, justamente por resistirem, por insistirem, por não desistirem da vida!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  12. Hoje vim deixar meu abraço pelo ano
    todo que vc esteve comigo, agradeço seu carinho
    vou sair de férias e volto em janeiro com meus posts
    favoritos, espero que nossa amizade permaneça em 2015
    Desejo um feliz Natal e um novo ano cheio de muita Paz

    Aqui minha gratidão por tudo

    └──●► *Rita!!

    ResponderExcluir
  13. Lindo texto amiga Clau,obrigada pela visita e comentário.
    bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  14. Que lindo Clau! Uma exaltação as florzinhas miúdas que, por muitos passam desapercebidas e, para outros não passam de "mato". Nós tivemos um jardineiro que resmungava que gostávamos de plantar "mato". Mato ou não, arrumado em canteiros coloridos davam uma vida enorme ao jardim! Ele queria se livrar do "mato", nos livramos dele! rs...rs...rs... Bjks e bom final de semana! Tetê

    ResponderExcluir
  15. OI QUERIDA CLAU
    As flores tem seu encanto. Parabéns pela escolha do texto. Uma boa noite e um domingo bem perfumado com muitas flores.
    Ana

    ResponderExcluir
  16. UN TEMA MUY SENSIBLE!!!
    ABRAZOS

    ResponderExcluir

Real Time Analytics