Páginas

23 novembro, 2014

Mas...quase.

A palavra 'mas' é uma das mais infames que conheço.
Te quero, mas...
poderia ser mas...
Eu gostaria muito, mas...
Uma palavra abominável, que serve para dinamitar o que era,
o que poderia ter sido, mas não é.

(Eduardo Galeano)


E...

Quase é uma palavra estúpida, penso eu. 
Quem quase consegue, não consegue.
Quem quase morreu, vivo está. 
Quem quase caiu, ou deitou ou de pé está. 
Quase pode nos deixar pela metade. 
Impedir nossa inteireza.

(Guilherme Antunes)

13 comentários:

  1. Muito boa abordagem sobre estas duas palavras.
    Analise perfeita.
    Sempre uma boa partilha Clau e que faz reflexão.
    Mas é claro que haverá um amanhã.
    Uma linda semana a voce.
    Meu abraço com carinho.
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Poesias lindas e realmente o MAS e QUASE mudam todo panorama!

    Adorei ! Faz pensar! Que tua semana seja cheia de coisas boas! beijos, chica

    ResponderExcluir
  3. Engraçado amiga Clau que usamos demais esse "mas" e"quase",talvez para deixar de concluir o que desejamos falar.
    bjs e um ótimo inicio de semana.
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  4. Clau, Bom Dia!
    Mas e Quase são palavras que devemos usar c "moderação"... Rsss... Cuidadosamente precisamos pensar bem quando as usarmos... Duas reflexões muito boas!!
    Beijos...

    ResponderExcluir
  5. oi Clau

    Gostei, faz a gente parar e pensar.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  6. Reflexões interessantes, contudo (mas) nem tudo é tão linear e a preto e branco.
    Duas palavras (quase) tão indispensáveis como todas as outras. :-)
    Boa semana, Clau, com poucos "mas" e "quases".
    xx

    ResponderExcluir
  7. Bom dia Clau.. se formos ver a gente pensa errado e pensou criou.. dai falamos e atraimos muita coisa contrária..
    programação neurolinguistica nos ajudaria muito..
    falo por mim.. que quando novo era o cara do não rsrs
    para tudo dizia não..
    não quero sair, e por ai ia..
    e chega um tempo que vc fica só com vc mesmo.. dai tem que correr atrás dos erros bobos né..
    muito boa colocação.. bjs e até sempre

    ResponderExcluir
  8. Boa tarde, duas palavras habituais no meu vocabolario, confesso que nunca tinha pensado no efeito negativo da mesmas, como eu, centenas, milhares, milhões de pessoas, pronunciam com facilidade as duas palavras.
    AG

    ResponderExcluir
  9. O "mas" muitos estragos faz. E Eduardo Galeano, que muito admiro, foi feliz em suas colocações. O "quase" pode ter interpretação positiva. Quem quase conseguiu sente-se seguro para tentar novamente, corrigindo os erros. Bjs.

    ResponderExcluir
  10. É verdade! São palavras que "quebram" o que se quer dizer - é o é e não é!

    ResponderExcluir
  11. Ola Clau!
    Gosto muito dos escritos do EG.
    Bem inteligente a colocação dele.
    Duas palavras que rompem o que a gente diz... é, mais o mesmo tempo, não é.
    Conheço uma pessoa que usa a palavra "quase" o tempo todo.
    Beijos e ótima semana!

    ResponderExcluir
  12. 'mas' e 'quase', duas traves no caminho que poucos se põem a atravessar, preferindo mudar a direção ou retornar.

    ResponderExcluir
  13. Mas e quase são palavras usadas por pessoas temerosas de uma conclusão, inseguras, indecisas.
    Sou a favor da objetividade. Ou é ou não é.
    Beijos.

    ResponderExcluir

Real Time Analytics